methaodos.congresos, II CONGRESO INTERNACIONAL DE ESTUDIOS CULTURALES INTERDISCIPLINARES

Por defecto: 
Educação Sexual “além do biológico”: pedagogias culturais encenadas em um currículo de Ciências Biológicas
Elaine de Jesus Souza, Claudiene Santos

Última modificación: 2019-12-29

Resumen


A partir da articulação entre os campos de estudos de sexualidade, gênero e currículo e os estudos culturais pós-estruturalistas com aporte em teorizações foucaultianas, buscamos problematizar os diferentes modos de incorporação da Educação Sexual ao currículo de licenciatura em Ciências Biológicas de uma Universidade Federal. Os caminhos metodológicos para a produção do material empírico envolveram grupos focais com sete participantes e realização de 14 entrevistas semiestruturadas com (futuros/as) biólogos/as. Como procedimento analítico, adotamos a análise foucaultiana do discurso, que possibilitou problematizar artefatos e pedagogias culturais encenadas na Educação Sexual. Sobretudo, por meio da inclusão de algumas disciplinas curriculares, como Corpo, Gênero e Sexualidade (CGS) e Perspectivas Culturais no Ensino de Biologia e Educação (PCEBE), as metodologias e abordagens socioculturais instigaram o reconhecimento do caráter generificado e sexuado dos currículos escolares e acadêmicos. Nestes currículos, os saberes e as práticas costumam estar atravessados por normas que reiteram um suposto modo legítimo e hegemônico de vivenciar a sexualidade e de expressar masculinidades e feminilidades e, portanto, demanda incessante exercício de questionamentos e problematizações acerca de essencialismos marcados por relações de poder-saber. Assim, a pesquisa evidenciou uma multiplicidade de estratégias didático-metodológicas na Educação Sexual incorporada nesse currículo de Ciências Biológicas, ensaiando novas formas de educar nos campos de sexualidade e gênero, ao ressignificar conceitos e pluralizar as abordagens desse campo transdisciplinar que vai “além do biológico” ancorando-se às dimensões discursivas da cultura.


Palabras clave


sexualidade, gênero, biologia, cultura, artefatos.